quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

É demais?

Ser fecundado, ser gerado, nascer, aprender a ler, aprender a falar, aprender a andar, aprender a ler. Ser criança, ser adolescente, ser adulto... Crescer!Mas crescer em que sentido?Existe uma idade certa?Há fatos com que te faça, realmente, amadurecer mais cedo?Estudar, passar no vestibular, entrar numa faculdade, saber o que realmente quer de sua vida, pensar...Vale a pena entrar em uma universidade cuja qual você não goste tanto assim?E se os fatos implicassem com que você, praticamente, não tivesse outra opção?Ser um bom profissional, casar-se, ter filhos.Saber tudo o que acontece no mundo.Como saber processar tantas informações em um intervalo de tempo tão curto?Como a gente sabe quanto é demais?Muita coisa cedo demais?Obrigações, responsabilidades demais?Diversão demais?Problemas demais?E, finalmente, quando é que tudo é demais pra se aguentar?

15 comentários:

Rodz Online disse...

A verdade é que a vida é cheia de convenções e regras mas no fundo somos nós quem devemos decidir quando é a hora de q.

abçs


http://rodzonline.blogspot.com/

-------------------------------------------
Twitter: https://twitter.com/RodrigoTheRock
-------------------------------------------
Participe da Comunidade do Orkut Blogs sobre Rock e Cinema:
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=97308660

kbritovb disse...

todo mundo tem o mesmo plano pra vida
que é esse q vc descreveu, a diferença é que cada um faz as coisas acontecerem no tempo que querem
e existem sim fatos que fazem uma pessoa amadurecer

Fábio Flora disse...

A gente cresce a vida inteira. Ou não. Porque há uma turma que encolhe, encolhe, encolhe e deixa de ser gente. Abraços e sucesso com o blog!

Inez disse...

Sempe crescemos, a vida toda estamos aprendendo alguma coisa, alguns se negal a apreder e a crescer.
O momento certo depende de cada um, como as pessoas são diferentes esse tempo ambém é diferente para cada pessoa.
Obrigada pela sua visita.

Sistema Zombie\ Nildo Junior disse...

Muito bom! seu blog ta bom demais!

Rogerio disse...

NADA e demais nas novas vidas...temos sempre que aprender mais e andar em frente..então nada e demais...o que seria pouco se a gente não fizesse nada...

Vinicius Oliveira disse...

sempre temos que aprender nessa vida ne? e ter muita felicidade na vida também.. http://viniciusoliveiraa.blogspot.com/ comenta no meu blog? POR FAVOR

Vini Manfio disse...

nunca tudo é demais

porque tudo nessa vida pode ser aguentado
superado

crescer não é difícil
é só querer

Inez disse...

Embora o crescimento pessoal seja uma constante nem sempre conseguimos corresponder a todas as cobranças que a sociedade nos faz.

Duchamp disse...

Olá!
Acho que há alguns fatos que realmente nos fazem crescer mais cedo. A idade mental nada tem a ver com a idade física.
E adorei o texto.
Esse quase-maldito script que a maioria segue me irrita, porque me pergunto: qual o sentido? Por que não romper?
Adorei.

Abraços

naiara disse...

tbm acredito que a idade mental viria entre as pessoas tem gente que demora muito pra amadurecer.
parabens pelo bog, e vlw a visita no meu.
seguindo...

V disse...

"Dai-me coragem para mudar o que é possível mudar; dai-me paciência para aceitar o que eu não posso mudar; dai-me discernimento para distinguir a diferença"

Nenhum tempo é tempo bastante. Um homem precisa trabalhar esse tempo inteiro para não perceber isso e não acabar se matando.

Abraços,

Fagnão! xD disse...

na realidade a vida de todo mundo é uma merda do inicio ao fim... porém se nos dedicarmos todos os dias, 24 hs por dia... a merda até que não fede tanto... e quando menos percebermos... nos acostumamos com o cheiro... e passamos a amar cada vez mais a merda em que vivemos!!

http://www.popundergroundofgod.blogspot.com/

OpinandoEmTudo.com.br disse...

Uou! Mto bom!
Eu penso exatamente a mesma coisa...Tô tentando levar a vida na boa, ir para onde meus pensamentos me levam no momento, se a gente pára pra pensar nisso tudo que vc escreveu é capaz de pirar! =/

Mto bom o seu blog! Parabéns!

Arash Gitzcam disse...

É a jornada da vida...